Feitos em Puré



Os sonhos podem ser uma fonte inesgotável de motivação. Isto é verdade se formos realmente empenhados em tornar os nossos sonhos realidade. Quando não somos esmagados pela vida real.


Nos últimos meses eu tenho assistido a uma dura realidade que pode ser perfeitamente associada à sociedade portuguesa. Vamos imaginar que a Sociedade Portuguesa é uma pessoa. Ela é ligeiramente egoísta e preguiçosa, por isso quando se sente na necessidade de resolver alguma coisa é só mesmo "nas últimas" como se costuma dizer. Anda ali a adiar, a adiar, a adiar e depois lá se levanta para fazer alguma coisa. Mas este "alguma coisa" tem muito que se lhe diga. Ou seja, é aquele emaranhar de cabos presos com fita adesiva escondidos por trás do móvel da televisão onde só os ratos chegam. Ratos esses que vão andar a roer, a roer, a roer até romper com a fita adesiva e com o isolamento dos cabos. Resultado: curto circuito. Tudo às escuras. E isso quando por sorte ou por "esquecimento" não vão os fiscais dar fé e descobrir que é só ligações ilegais no apartamento da Sra. Dª. Sociedade e ameaçam com processos judiciais se não se arranjar uma solução "melhor".

Acho que esta imagem se pode aplicar a várias coisas, mas aquilo que me tem vindo a chatear imenso é a história dos "estágios profissionais". Sei de boas histórias de sucesso relativas a este programa de apoio para os jovens que estão à procura de emprego e isso é de louvar. Por outro lado acho uma piada de muito mau gosto haver empresas a recrutar estagiários cujas bolsas são financiadas pelo IEFP e a mantê-los a trabalhar durante 9 meses em péssimas condições, sem supervisão e nem sequer uma promessa de contrato no final desse período. Já para não falar daquelas empresas espertalhonas que enquanto estão à espera de aprovação de estágio convencem o estagiário a trabalhar durante esse período a tempo inteiro pelo valor do subsídio de alimentação. Porque sejamos sinceros: se o candidato se recusar a fazer isso será que na altura em que o estágio for aprovado ainda vai ter lugar na empresa? 

Tudo isto porque hoje em dia toda a gente nasce ensinada e portanto quando termina os estudos já tem de ter experiência de 2, 3, 5 anos ou bem pode esquecer o seu trabalho de sonho.

Até Breve!


3 comentários:

  1. Olá :) Enviamos um convite para o teu email. Caso não tenhas lá recebido poderás aceder à nossa plataforma em https://swonkie.com
    Contamos contigo? :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá ;) por curiosidade fiz registo na vossa plataforma, mas ainda estou a tentar descortinar tudo isto.

      Eliminar
    2. Se precisares de ajuda em alguma coisa podes falar connosco pelo chat da plataforma :)
      Obrigada.

      Eliminar